03 agosto, 2006

A quebra do monopólio

Posso dizer que hoje sou um estudante de jornalismo que está contribuindo para a quebra de monopólio das informações, faço parte de um grupo que cresce cada vez mais trazendo várias formas de informação, sou um blogueiro.

O primeiro blog do mundo foi criado em janeiro de 94, ele tinha um caráter de diário, foi alavancado em agosto de 99 quando surge o Blogger.com, primeira ferramenta de criação gratuita de blogs.

Um ponto sobre essa quebra de monopólio com as grandes imprensas, e isso o jornalista Fernando Milany pode falar melhor, foi quando em 2003 passaram a se postar visões da guerra do Iraque, por angulos que as Tvs internacionais não mostravam. A partir desse momento os blogs tomaram um grande corpo.

Hoje estamos na política, nos esportes, nos temas variados, em Santa Cruz, no Brasil e no mundo.

Com esse plano de ser imediato que vivemos nessa blogosfera, onde nos conhecemos, e interagimos, esse é um ponto que faz com que o blog cresca cada vez mais, existe uma interatividade direta entre o administrador do blog e seu leitor.

Hoje vejo a nossa importancia como agentes multiplicadores de informação, temos o dever de abranger ao máximo possível de pessoas informação. O blog tem essa linguagem direta e hoje já tem seu espaço garantido nos momentos de acesso dos internautas.

Vendo as pessoas que comentam em meu blog, alguns jornalistas já formados e conceituados, percebo que estou no caminho, e o blog foi algo que me ajudou a vê isso, e ainda quebro o monopólio da informação.

6 comentários:

Anônimo disse...

kara continui fazendo isso qui con certeza é oq tu sabe fazer demelhor entre outras coisas que tu faz valew ok xau

Anônimo disse...

kara continui fazendo isso qui con certeza é oq tu sabe fazer demelhor entre outras coisas que tu faz valew ok xau. ass: carlos da uescc

Jandy Anacleto disse...

É nesse espaço de liberdade de expressão que sei que aprendemos cada vez mais a sermos jornalistas. Não pare de escrever, seja o que for, o que tiver vontade e sentir pq é buscando isso que nos esforçamos por essa profissão que tem muito menos de glamour e muito mais de amor ao que se faz. Valeu! Um abraço colega jornalista.

DeniHelen disse...

Verdadeiramente possuimos a missão de anunciar aos quatro cantos da terra, informação com precisão!
Fomos chamados a este propósito e os blogs são meios que nos ajudam a despertar o "senso crítico", como disse o nosso colega DB do Correio Braziliense.
Vai ai Gilberto, exponha e divulgue suas opiniões.

LeNildo Ferreira disse...

É. Isso.

Sandra - RJNE disse...

Acho muito boa a proposta do seu blogger em descentralizar o poder facilitando o acesso a informação, sabemos que informação é poder, e não é de interesse de muitos que o povo tenha poder.
Acho a ídéia muito boa, parabens, Gilberto.